quarta-feira, 27 de novembro de 2013

Tenho apenas o sentimento dos mistérios



Queria ter a coragem de esbravejar, e quem sabe derramar um cálice dessa cólera que atormenta o meu ser. Não há tempo para pensar, nem mesmo salvação. Quem poderá salvar-me de mim mesma?
Tão difícil ser o que realmente somos, e ao invés de mostrar a verdadeira face, acaba tornando-se menos doloroso parecer quem não somos. Ser ou tentar ser. Isso não pode ser uma escolha, é mais do que isso.É um simples teste para mostrar o ser desprezível que adoramos e odiamos ser. 

4 comentários:

  1. Vem!
    http://www.feitaparailetrados.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  2. Passei por aqui lendo, e, em visita ao seu blog.
    Eu também tenho um, só que muito simples.
    Estou lhe convidando a visitar-me, e, se possível seguirmos juntos por eles, e, com eles. Sempre gostei de escrever, expor as minhas idéias e compartilhar com as pessoas, independente da classe Social, do Credo Religioso, da Opção Sexual, ou, da Etnia.
    Para mim, o que vai interessar é o nosso intercâmbio de idéias, e, de pensamentos.
    Estou lá, no meu Espaço Simplório, esperando por você.
    E, eu, já estou Seguindo o seu blog.
    Força, Paz, Amizade e Alegria
    Para você, um abraço do Brasil.
    www.josemariacosta.com

    ResponderExcluir
  3. Ao passar pela net afim de encontrar novos amigos e divulgar o meu blog, me deparei com o seu que muito admiro e lhe dou os parabéns, pois é daqueles blogs que gostaria que fizesse parte de meus amigos virtuais.
    Pois se desejar visite o Peregrino E Servo. Leia alguma coisa e se gostar siga, Saiba porém que sempre vou retribuir seguindo também o seu blog.
    Minhas cordiais saudações, e um obrigado.
    António Batalha.
    http://peregrinoeservoantoniobatalha.blogspot.pt/

    ResponderExcluir